185 | ISTs e autocuidado

Arte por @ellehell

Falar sobre Infecções Sexualmente Transmissíveis é delicado e pode gerar gatilhos

Mas é importante falar. Falar de prevenção, de proteção, de cuidado e autocuidado. Muitas pessoas não se testam por medo de saber o resultado e com isso não se tratam de forma rápida e correta. Quão perigosa é essa atitude? É sempre melhor saber!

Isso é redução de danos! Fingir que as ISTs não existem não é uma política de saúde 😦

Todas as pessoas que se relacionam sexualmente com outras estão sujeitas a contrair alguma IST. Todas. Inclusive as que utilizam de preservativos no ato sexual, tá bom?

Então o que podemos fazer? Proteger da forma mais acessível e correta possível, observar sempre nosso corpo, vulvas e pênis, buscar ajuda profissional acolhedora e por fim tratar caso aconteça

Nos machucarmos e violarmos mais com sentimentos de culpa, mágoa, ressentimento, remorso não irão ajudar. Eu acredito que são sentimentos válidos, óbvio! Muitas vezes envolvem outras pessoas, envolve traição da nossa confiança, do nosso corpo mas precisamos estar bem para responder da melhor forma ao tratamento. Manter a imunidade alta

Nos perdoarmos diante dessas situações é extremamente importante. Sei que não é fácil mas não há espaço para o “e se…”. Há espaço para nos responsabilizarmos e buscarmos nossa saúde física, mental, emocional e espiritual de volta

O Thetahealing vem me ajudando muito em ressignificar memórias, em transmutar dores e eu recomendo a todas e todos buscarem formas de deixar ir embora com o discernimento de que são lembranças que só tendem machucar e nada mais

Meditar sobre questões passadas é aprender com elas, não permitir que se repitam e tomar controle da própria vida. Sem reprimir emoções!

É preciso muito autoamor e autorespeito ♡ e eu desejo que todas possam se autoperdoar nesses processos

Somos humanas, nós erramos, constantemente. Mas também temos a capacidade de corrigir, de aprender com os nossos erros de forma leve e responsável. Merecemos o prazer, a felicidade e saber em quem confiar, quando confiar, como confiar e de que é possível nutrir relações saudáveis, com diálogo e verdade

Sintam-se abraçadas! ♡

Veja a postagem no Instagram clicando aqui

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: